Notícias: Polícia

Instrutor do Aeroclube Santo Ângelo morre em acidente no trevo de acesso a Sete de Setembro

Michel Stasiak, 23 anos, dirigia um Fiat Stilo, quando capotou

16 de Julho de 2012 às 19:40
Instrutor do Aeroclube Santo Ângelo morre em acidente no  trevo de acesso a Sete de Setembro
Jovem comemoraria no último domingo, dia 15 de julho, um ano como instrutor de vôos

Um acidente na noite de sábado (14), por volta das 21h30min, no trevo de acesso à Sete de Setembro, na BR-392, causou a morte do instrutor de vôos do Aeroclube de Santo Ângelo, Michel Stasiak, 23 anos.

Segundo o delegado de polícia Rogério Junges, que estava de plantão na Equipe Volante, na noite do ocorrido, Michel estava na direção do automóvel Fiat Stilo Flex, placas IOH-8267 de Sete de Setembro, quando perdeu o controle da direção e capotou o veículo.

Mesmo conduzido ao Hospital Santo Ângelo (HSA), ele não resistiu aos ferimentos e morreu. Outros dois ocupantes do veículo: Josemar Krulikowski, 25 anos, e Vinícius Daison Lavich, 23 anos, tiveram ferimentos leves e foram levados ao Hospital Santa Tereza, de Guarani das Missões.

Michel Stasiak completaria um ano como instrutor de vôo, no domingo (15), um dia após a sua morte. Seu primeiro vôo como piloto foi no dia 10 de junho de 2009. Já possuía uma boa experiência no comando de aeronaves, tendo em seu currículo cerca de 800 horas de vôo.

Michel era considerado um dos pilotos mais competentes da nova geração do aeroclube. Seguia o que aprendeu e não dava espaço para qualquer ação que representasse risco a ele ou os passageiros. “Quem pilota um avião precisa saber quando é momento ou não de voar, cuidar o vento, avaliar as condições do tempo”, diz Paulo Dalla Porta, vice-presidente do Aeroclube de Santo Ângelo.

Por Odair Kotowski (odair@jornaldasmissoes.com.br)

Fonte: Jornal das Missões

Mais Notícias: Polícia